tempo

Existe requeijão na Alemanha?

Postado em Atualizado em

Sim. Obviamente não se chama requeijão, mas o gosto é o ‘mesmo’: schmelzkäse. E tem de outros sabores também, como queijo gouda e ementaler. Quem diz que aqui não tem pipoca Aritana também se ‘engana’. Existem cereais matinais por aqui com o gosto idêntico à essa pipoca, só o formato é diferente. Preciso lembrá-los novamente que nada é exatamente idêntico, afinal o país é outro e os fabricantes também, mas o gosto, se não é o mesmo é muitissíssimo parecido!
Leite condensado? Tem. Milchmädchen. E não custa “os olhos da cara”, como já ouvi dizer. Polvilho? Tem. Tapioc Mehl nos mercados asiáticos ou até mesmo Polvilho Yoki em outros locais. Farinha de mandioca pra farofa? Tem. Manjokmehl. Fubá? Tem. Feines Maismehl nos mercados asiáticos.
Eu acho um pouco irritante brasileiro que vem pra cá e fica reclamando o tempo todo que aqui não tem isso ou aquilo como no Brasil. Claro que não. Estamos no outro lado do Atlântico, as diferenças são muitas. Se não suporta volta pro Brasil. Como pode um povo “que não desiste jamais”, que é hospitaleiro, simpático e bem humorado ficar reclamando tanto quando está fora e exaltando exageradamente sua terra natal? Beleza, “orgulho de ser brasileiro”, mas se a pessoa está aqui, principalmente por vontade própria, pra que ficar falando que tudo no Brasil é melhor? Quando estão no Brasil reclamam dos problemas internos, quando estão fora sem viver nesses problemas de desigualdade social acham que tudo foi resolvido e começam a exaltar exageradamente o Brasil. E o clima? Já é assunto pra outro post, já que até os alemães adoram reclamar de frio, de calor…
Vejamos…até agora o que vi que tá difícil de se equiparar à qualidade e ao preço é a carne bovina. As frutas também (dependendo do que você quer) são menos saborosas, como melancia, mamão, melão. E banana só se acha a caturra (nanica). Mas o limão é muito bom, se acha tanto do verde quanto do siciliano, amarelo. De um modo geral as frutas não são tão baratas quanto no Brasil e como eu disse nem sempre tão saborosas, mas para mim só da tangerina ser uma delícia está ótimo. Fora que aqui tem cereja e todas essas frutinhas vermelhas pequenas fofas que eu adoro…já no Brasil é difícil, nem tão saborosas e caras. Moral da história, sempre vai ter vantagens e desvantagens, óbvio. Cada um que pese as suas e tome sua decisão.

Herbst in Berlin

Postado em Atualizado em

Chegou o outono. Deve começar a esfriar (mais) Mas também tivemos várias dias lindos ensolarados, bem agradáveis, como a última quinta-feira. Pude caminhar tranquilamente sem nenhuma blusa de frio.

Outro dia fui ao show da Sonia Brex, uma italiana que faz música eletrônica por aqui, muito legal. O CD dela se chama Naif e tem uma música chamada Frühling in Berlin, quem quiser conhecer, é só clicar no youtube dela bem aqui! E no Brasil começando a Frühling primavera, claro!

Tempo em Berlim

Postado em Atualizado em

Hoje amanheceu chuvoso… temperatura 16C segundo esse site aqui e segundo a previsão no meu computador também. No meu termômetro fofo de dadinho que fica ali na janela, mas não fora da casa porque não tem espaço, marca 20C. Então essa é a temperatura aqui dentro de casa. Nossa, quanto assunto eu tenho hoje…

Fui almoçar no Lillaboase. Outro dia conheci o chef de lá e ele me convidou pra almoçar lá hoje. Aí fui. Comi tipo um bolinho feito com pão e maçã, tostado na panela e depois vai ao forno, pedaços de filet de porco e um molho com creme de leite, cogumelos frescos e cebola. Tinha vários outros temperinhos também no prato, tipo ervas e pimentas. Lecker! *muito interessante na comida aqui é que tudo tem menos sal e menos açúcar, e eu adoro assim!

Es regnet

Postado em Atualizado em

Chove. Temperatura caiu pra cerca de 17 C.
Tenho como companhia meu iogurte cremoso de blueberry.
Vou preparar almoço pra Eve e marido. Eu tô usando o blog como twitter?

Anyway… eis a foto do “antes”, ou seja, ingredientes do almoço:

Cogumelos frescos, muita cebola, Dill (endro no Brasil, quem não sabe mesmo assim…é porque não conhece mesmo), pistache e macarrão.

Agora o depois (atualizado mais tarde).

Ai que frio!

Postado em Atualizado em

Aqui em BH tá gelado! Antes de conhecer a Europa eu achava aqui super frio e não entendia como o pessoal lá aguentava. Depois eu vi que nós aqui é que aguentamos muito! A temperatura dentro de casa é igual fora, aí meu nariz fica sempre gelado e não dá vontade de sair da cama, nem de tomar banho e nem de fazer nada! (Mas eu levanto sim…e eu tomo banho sim).

Ontem fui ao concerto da Filamônica de Minas Gerais aqui pertinho de casa, na Barragem Santa Lúcia. O concerto foi muito bom e a sonorização estava ótima também. (Coisa muito importante para eventos ao ar livre). Estava um frio danado, mas apenas na sombra porque ao sol…nu!! Fritei! A Usiminas distribuiu uns bonés brancos mas eu não consegui pegar. Na foto abaixo todo mundo de bonezinho e o palco lá na frente.